.

.

.

.

sábado, 30 de novembro de 2019

CAMAMU: A Principal apoiadora do atual prefeito ENOC nas eleições Suplementares de 1º de Setembro, tem contas rejeitadas pela Câmara.


A ex-prefeita da cidade de Camamu, no baixo baiano, Ioná Queiroz, teve as contas da sua gestão de 2012  rejeitadas pela Câmara de Vereadores nesta segunda-feira (25). A decisão implica na inelegibilidade da ex-gestora pelo período de oito anos.  De acordo com a publicação do portal Camamu Notícias, a votação nada favorável a Ioná teve o resultado de seis votos contra e sete abstenções. Votaram reprovando as contas da ex-prefeita, referente ao ano de 2012, os vereadores; Nado, Valnei da Ilha, Jairo da Tópic, Charles, Otinho e o Presidente Gil de Barcelos. Esses parlamentares votaram a favor a decisão do Tribunal de Contas do Estado da Bahia. Abstiveram os votos, os vereadores: Akson Rosa, Mamaco, Nal Da Canal, Edmael Chineles, Alan Cruz, Washington de Cajaiba e Jatobá. Mas de acordo com informações obtidas pelo Portal Barra Grande 24horas, a ex-prefeita conseguiu um Mandado de Segurança, para suspender a votação que aconteceu na câmara. A casa de leis de Camamu, não teria sido notificada pela justiça e por isso seguiu com a votação das contas.        Fonte: Portal Barra Grande 24horas


Nenhum comentário:

Postar um comentário